Instituto Politécnico de Lisboa

Avaliação, sistema de créditos ECTS e reconhecimento formal

Até um mês após o regresso a Portugal, o estudante deve preencher um formulário de Relatório Final Individual que é enviado para o email indicado na Ficha de Estudante. O incumprimento desta cláusula do Contrato pode implicar a devolução da bolsa atribuída.

A mobilidade Erasmus+ implica o pleno reconhecimento académico desde que o plano de estudos na instituição de acolhimento seja concluído com aproveitamento.

No final do período de mobilidade, a instituição de acolhimento envia o "Transcript of Records" de onde constam os resultados académicos e os créditos ECTS correspondentes.

O ECTS, ou Sistema Europeu de Transferência de Créditos é reconhecido a nível europeu e destina-se a facilitar o reconhecimento académico internacional.

No âmbito do ECTS, um ano letivo equivale a 60 créditos ECTS, enquanto um semestre equivale a 30 créditos ECTS e um trimestre equivale a 20 créditos ECTS.

Cabe à Coordenação dos cursos a transposição das notas obtidas em mobilidade para as respectivas Unidades Orgânicas.

Reconhecimento formal

Todos os estágios Erasmus+, independentemente de serem curriculares ou recém-graduados são formalmente reconhecidos pelo IPL desde que a mobilidade tenha sido previamente aprovada e sempre que o estagiário tenha cumprido com o plano de estágio inicialmente previsto. Neste sentido, cabe à entidade de acolhimento do estagiário produzir uma avaliação final.

No caso dos estágios curriculares, o reconhecimento académico é feito na medida do número de créditos ECTS identificados inicialmente no Learning Agreement.

Para os estágios recém-graduados, a mobilidade pode ser reconhecida em Suplemento ao Diploma quando o estagiário solicitar o mesmo antes da emissão do Diploma.