Instituto Politécnico de Lisboa

2170 estudantes ingressam no Politécnico de Lisboa

IPL

9 Setembro 2019

IPLisboa

Os 2447 candidatos que escolheram um curso do Politécnico de Lisboa como primeira opção superam, largamente, o número de vagas disponibilizadas pela instituição no Concurso Nacional de Acesso (2228). Este número representa um crescimento de 6% face a 2018 e mostra que as escolas e institutos superiores do IPL são cada vez mais uma referência no panorama nacional.

Apesar deste crescimento, o IPL teve menos 75 colocados, face a 2018, decréscimo que resulta da redução do número de vagas em Lisboa e Porto, imposta pelo Governo, cujo objetivo era incentivar os estudantes a candidatar-se às instituições localizadas em zonas com menos densidade populacional.

Os resultados da 1.ª fase, disponibilizados à meia noite de domingo, apontam para 51 463 candidatos à 1.ª fase do concurso nacional de acesso ao ensino superior, na qual foram admitidos 44 500 novos estudantes no ensino superior público, dos quais, 27 280 nas universidades e 17 220 nos politécnico. Dos candidatos à primeira fase, 89,1% já foram colocados, destes, 53%, foram colocados na sua primeira opção.

IPLisboa

O Politécnico de Lisboa preencheu, quase na totalidade, a vagas disponibilizadas no concurso nacional de acesso, das 40 licenciaturas no concurso nacional de acesso, apenas 3 não preencheram a totalidade das vagas. Nesta primeira fase do concurso nacional de acesso ficaram já preenchidas 96,5% das vagas das suas oito escolas e institutos.

Relativamente ao ano anterior as notas mínimas, no IPL, subiram de forma generalizada, apenas em seis licenciaturas não se verificou esta subida, destacando-se as licenciaturas de Jornalismo, Fisioterapia, Publicidade e Marketing, Gestão e Relações Públicas e Comunicação Empresarial, nas quais a nota do último colocado ultrapassou os 15,0.

IPLisboa

O Politécnico de Lisboa continua a ser a 7.ª instituição de ensino superior, quanto ao número de colocados no Concurso de Acesso ao Ensino Superior (CNA). A estes estudantes vão juntar-se os que entraram nas 3 escolas artísticas: Escola Superior de Dança; Escola Superior de Música de Lisboa e Escola Superior de Teatro e Cinema, através de concurso local.

As candidaturas à segunda fase decorrem entre 9 e 20 de setembro. Nesta fase os candidatos concorrem às vagas sobrantes da primeira fase, tendo em conta os lugares referentes aos estudantes que não efetuaram a matrícula na instituição onde ficaram colocados na primeira fase.