Instituto Politécnico de Lisboa

André Sendin toma possa como presidente da ESCS

ESCS

19 Junho 2018

André Sendin, novo presidente da ESCS e Elmano Margato, presidente do IPL

Foi com uma sala cheia de docentes, não docentes e estudantes da Escola Superior de Comunicação Social que decorreu, nos Serviços da Presidência do Politécnico de Lisboa, a cerimónia de tomada de posse do novo presidente da instituição.

Ao novo presidente da Escola Superior de Comunicação Social, Elmano Margato fez a antevisão de uma tarefa difícil, de um trabalho "que precisa de reforço quanto à qualificação do corpo docente". O líder do Politécnico pediu ao recém empossado, que seja "coerente e justo na tomada de decisões". Já André Sendin agradeceu o "calor humano" de todos os que marcaram presença na cerimónia de tomada de posse. Referiu o percurso de 8 anos como vice-presidente da ESCS, enaltecendo o trabalho de todos os que com ele colaboraram. Não deixou de se dirigir a Jorge Veríssimo "por ter sabido liderar a Escola e por tudo o que proporcionou, olhando para o futuro". O novo presidente  centrou-se também no que pretende para a instituição, como a implementação de um Centro de Investigação, de um doutoramento e a aposta na internacionalização da ESCS.

Também sobre Jorge Veríssimo, Elmano Margato enalteceu o trabalho desenvolvido por aquele que liderou a ESCS ao longo de 8 anos, alguém que "teve a visão larga de fazer crescer a Escola (...) da forma transparente, leal e irreverente que o caracteriza", referiu o presidente do Politécnico de Lisboa.

Já como presidente da Escola Superior de Comunicação Social, André Sendin deu posse a Sandra Miranda, como vice-presidente.

André Sendin é doutorado em Comunicação Social pela Universidade Complutense Madrid, mestre em Gestão de Projectos pela Universidade Aberta e licenciado em Economia pela Faculdade de Economia da Universidade Nova de Lisboa. Foi vice-presidente da Escola Superior de Comunicação Social entre 2010 e junho de 2018, onde é docente desde 1994, ano em que iniciou como Assistente. Foi produtor executivo do programa E2 de 2010 a 2017, é membro do Conselho Geral do Politécnico de Lisboa desde 2015.

Sandra Miranda, nova vice-presidente da ESCS, é docente da institução, doutorada em Comunicação Social, mestre em Gestão de Recursos Humanos e licenciada em Sociologia.

 

Texto de CS/GCI
Fotos de MN/GCI