Instituto Politécnico de Lisboa

DocLisboa premeia produção da ESTC

ESTC

28 Outubro 2019

Doc Lisboa 2019

Rio Torto”, de Mário Veloso, exibida na secção Verdes Anos da 17.ª edição do Festival Internacional de Cinema, produzido pela Escola Superior de Teatro e Cinema, recebeu os prémios Fernando Lopes para melhor primeiro filme português e Pedro Fortes, na competição transversal, para melhor filme português.

Rio Torto

A curta de Mário Veloso, exibida na secção Verdes Anos, destinada a filmes em contexto escolar, foi o único filme a receber mais do que um prémio. Nesta secção foram exibidos 33 filmes, dos quais seis realizados em Portugal, todos apresentados em estreia mundial.

"Rio Torto" retrata uma "geração em desaparecimento que dá o último testemunho acerca de um rio saudável e de água potável, num lugar onde a paisagem bucólica se funde com o crescimento urbano e um dos moinhos de antigamente continua a girar".

Na 17.ª edição do DocLisboa, o festival mostrou um total de 303 filmes, 44 deles portugueses, distribuidos pelas salas de cinema do São Jorge e Ideal, Cinemateca Portuguesa e Culturgest.

Texto de CSS/GCI IPL