Instituto Politécnico de Lisboa

Politécnico de Lisboa assina Carta de Compromisso das IES com o desenvolvimento sustentável

IPL

5 Novembro 2019

Vice-presidente do IPL assina Carta de Compromisso

O documento, assinado no dia 31 de outubro, no Porto, vincula as 29 instituições signatárias a um conjunto de compromissos ligados ao desenvolvimento de programas de ‘campus sustentável’. A assinatura surgiu do convite da Rede Campus Sustentável (RCS), rede de cooperação de membros das comunidades do Ensino Superior em Portugal para o desenvolvimento sustentável. A cerimónia decorreu no âmbito da CCS 2019 - 1.ª Conferência Campus Sustentável, na qual esteve presente o vice-presidente do Politécnico de Lisboa, António Belo.

“As IES afirmam-se, publicamente, também pela contribuição que dão para os objetivos do desenvolvimento sustentável (ODS), quem o diz é António Gomes Martins, membro da Comissão Executiva da Rede Campus Sustentável. Para o professor da Universidade de Coimbra, esta iniciativa “visa estimular, não só as parcerias internas em cooperação no âmbito dos ODS, como também desenvolver estas atividades onde elas possam ainda não estar a ser encaradas institucionalmente”.

Carta de Compromisso Desenvolvimento Sustentável

Ao assinarem a Carta de Compromisso, as IES, comprometem-se com os princípios e a prática do desenvolvimento sustentável, em todas as vertentes relevantes – ambiental, social e económica, seguindo uma abordagem holística, devendo, nomeadamente:

  • Promover a ética para a sustentabilidade, promover a literacia na área da sustentabilidade da sua comunidade académica, e do público em geral;
  • Oferecer formação para a sustentabilidade, incorporar uma perspetiva de sustentabilidade na sua oferta proporcionando formação e espaços de experimentação e debate que abordem a temática do desenvolvimento sustentável;
  • Transdisciplinaridade, promover a educação e investigação transdisciplinar colaborativa na área do desenvolvimento sustentável, em todas as suas vertentes – ambiental, social e económica;
  • Disseminação do conhecimento, divulgar, de forma tão ampla quanto possível, todas as suas iniciativas e boas práticas ligadas à área da promoção do desenvolvimento sustentável;
  • Redes colaborativas, promover e apoiar redes interdisciplinares de especialistas na área da sustentabilidade ao nível local, regional, nacional e internacional; e
  • Parcerias, promover parcerias com outros setores da sociedade na área do desenvolvimento sustentável.

A Rede de Campus Sustentável Portugal (RCS-PT) foi fundada em 2018 por membros das Instituições de Ensino Superior e tem como objetivo promover questões de sustentabilidade nas universidades e politécnicos portugueses, contribuindo para uma sociedade mais sustentável.