Instituto Politécnico de Lisboa

Projeto do IPLisboa premiado no Concurso Nacional Poliempreende

IPL

29 Setembro 2017

Spectrum Audio Labs

Spectrum Audio Labs é a ideia de negócio de Leonardo Vidas e Eduardo Caetano, da Escola Superior de Música de Lisboa, vencedora do prémio Born From Knowledge, na 14.ª edição do concurso nacional da rede de empreendedorismo.

O prémio atribuído pelo júri faz com que a ideia seja uma das finalistas do BfK IDEAS 2017, concurso de ideias para estudantes e investigadores promovido pelo Ministério da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior através da Agência Nacional de Inovação. Os finalistas têm acesso a um programa de imersão, para aperfeiçoamento e desenvolvimento das ideias. Os vencedores do concurso ganham participação num programa de aceleração em ciência e tecnologia, que os irá capacitar para transformar o potencial de negócio da ideia em produtos e/ou serviços.

O negócio de Leonardo Vidas e Educardo Caetano visa desenvolver equipamentos especializados para áudio profissional como resposta a necessidades técnicas e artísticas. O fator diferenciador do projeto passa pela personalização dos produtos, proporcionando soluções únicas para cada cliente.

O projeto que representou o Politécnico de Lisboa, em julho, em Bragança, no âmbito do concurso nacional do Poliempreende, foi avaliado pelo júri constituído por representantes do PIN/Poliemprende, Jorge Humberto Sampaio do Instituto Politécnico de Bragança, Susana Almas do Grupo Delta Cafés, João Fernandes do IAPMEI, Katiuska Cruz da ANI e Maria Miguel Ferreira da Startup Portugal.

A concurso estiveram 19 projetos oriundos dos politécnicos e escolas politécnicas não integradas que fazem parte da rede Poliempreende e que venceram a fase regional nas instituições que representam.

Paralelamente aos prémios financeiros foi atribuido o Prémio Empreendedorismo Delta, ao projeto Marias&me do Instituto Politécnico de Coimbra, o Prémio de Internacionalização Delta à Agencia de Empreendedorismo da Universidade de Leon, e o prémio ANI, ideia de negócio apresentada por empreendedores do Politécnico de Lisboa. Foram ainda atribuídas 2 menções honrosas, aos estudantes da Escola Náutica Infante D. Henrique e da Universidade de Aveiro pelos projetos defendidos.

O concurso nacional Poliempreende decorreu na cidade transmontana de Bragança sob a chancela do Instituto Politécnico Bragança, que durante uma semana acolheu os empreendedores das instituições da rede, promovendo uma série de iniciativas que deram a conhecer a região e permitiram a interação entre os participantes.