Instituto Politécnico de Lisboa

Seis Bandeiras Verdes atribuídas ao Politécnico de Lisboa

IPL

8 Setembro 2020

bandeira eco-ipl

Em reconhecimento do trabalho desenvolvido na educação ambiental para a sustentabilidade, a Associação Bandeira Azul da Europa atribuiu Bandeira Verde a seis escolas do Politécnico de Lisboa. A distinção, no âmbito do programa Eco-Escolas, foi concedida às escolas superiores de Comunicação Social, Educação, Música, Tecnologias da Saúde e aos institutos superiores de Engenharia e Contabilidade e Administração do Politécnico de Lisboa. Recorde-se que a Escola Superior de Tecnologia da Saúde de Lisboa já é reconhecida com a distinção desde 2010. Apesar da Escola Superior de Dança não configurar na lista das escolas galardoadas em 2020, a associação assume que a escola vai trabalhar em conjunto com o ISEL por funcionar nas instalações deste.

No distrito de Lisboa das 353 escolas inscritas, 256 escolas foram distinguidas pelo trabalho desenvolvido para tornar mais sustentável o dia-a-dia da escola e da comunidade onde se inserem.

A direção do Politécnico de Lisboa, satisfeita com a distinção, considera que "é o concretizar do objetivo de estender o excelente trabalho da Escola Superior de Tecnologia da Saúde de Lisboa neste domínio, tendo a bandeira há já 10 anos, a todas as unidades orgânicas. Ficamos a aguardar agora que a Escola Superior de Teatro e Cinema possa reunir as condições para se candidatar no próximo ano.", disse António Belo. O vice-presidente refere ainda que a atribuição resulta de um desígnio assumido pela instituição com a assinatura da Carta de Compromisso da Rede Campus Sustentável e com os objetivos e metas definidas no âmbito Lisboa Capital Verde Europeia 2020.

A sustentabilidade ambiental integra os objetivos estratégicos da instituição que constituiu, em 2019, o conselho Eco-IPL, com a participação de todas as unidades orgânicas do IPL, pretendendo implementar o Programa EcoCampus com a promoção ativa da mudança de comportamentos e atitudes na comunidade académica. Razão pela qual, na opinião de Vitor Manteigas, o galardão atribuído ao IPL "resulta de um trabalho colaborativo que evidencia a existência de uma estratégia de sustentabilidade agregadora de todas as unidades orgânicas”, disse o professor da Escola Superior de Tecnologia da Saúde de Lisboa. 

A entrega das Bandeiras Verdes Eco-Escolas vai realizar-se no dia 30 de outubro, à tarde, presencialmente no Fórum Lisboa (Areeiro) num modelo adaptado à situação de pandemia em que vivemos com transmissão online pelo Facebook, Youtube e Página da ABAE.

Texto e fotos de VG/GCI-IPL