Passar para o conteúdo principal

17.11.2021
Arquimedes

Foi inaugurada, nas instalações da Secretaria-Geral da Presidência do Conselho de Ministros, a 17 de novembro de 2021, a exposição "Arquimedes da Silva Santos: onde vai minha voz", que contou com a presença do Secretário de Estado, André Mós Caldas. É a primeira instituição a acolher a itinerância da exposição organizada pelo Politécnico de Lisboa (IPL), no âmbito das Comemorações do Centenário de Arquimedes da Silva Santos, desde que esteve patente no Espaço Artes-Politécnico de Lisboa, em junho deste ano.

 

Image
Arquimedes
André Mós Caldas, secretário de Estado da Secretaria-Geral da Presidência do Conselho de Ministros

 
Nas palavras de Catarina Romão Gonçalves, Secretária-geral adjunta da Presidência do Conselho de Ministros, acolher uma exposição evocativa de Arquimedes da Silva Santos, através da parceria entre o Serviço Educativo para a Democracia da Presidência do Conselho de Ministros e o Politécnico de Lisboa "é uma forma de não esquecer o exemplo de uma pessoa que em tempos em que não se podia ser livre, trabalhou na constituição de uma sociedade em que todos pudessem ter acesso a dinâmicas criativas, possibilitando o crescimento do cidadão".

 

Image
Arquimedes
Miguel Falcão, Escola Superior de Educação de Lisboa

 

Miguel Falcão, docente da Escola Superior de Educação, em representação da equipa responsável pela curadoria da exposição - Luísa Duarte Santos (filha de Arquimedes da Silva Santos) e Vanda Nascimento (Escola Superior de Dança), partilhou com os presentes, alguns dos momentos mais significativos da vida de Arquimedes da Silva Santos, ressaltando a importância de uma instituição como a Secretaria da Presidência do Conselho de Ministros, sendo uma “casa da democracia”, receber uma exposição que enaltece a vertente cívica do percurso de vida e da obra de Arquimedes da Silva Santos.

Por fim, o pró-presidente do IPL para as Artes, Paulo Morais-Alexandre, destacou a importância de existir uma aproximação entre as duas instituições na promoção da educação pela arte no nosso país, esperando-se que "esta seja a primeira de muitas iniciativas a dinamizar em conjunto, na luta democrática por um Portugal melhor".

 

 

Patente até 10 de dezembro, a exposição tem acesso restrito aos funcionários e visitantes da Secretaria-Geral da Presidência do Conselho de Ministros, reunindo, um conjunto de painéis temáticos que mostram aspetos significativos da vida e da obra de Arquimedes da Silva Santos (1921-2019), poeta, médico e psicopedagogo, considerado pioneiro do neorrealismo português e precursor da Educação pela Arte em Portugal.

 

Image
Arquimedes

 

O Politécnico de Lisboa participa, ativamente, nas comemorações do centenário desta figura ímpar da cultura, defensor do ensino e formação artística, ligado ao ensino das artes e ao ensino destas no Politécnico de Lisboa. Arquimedes da Silva Santos foi professor coordenador na Escola Superior de Dança, onde se manteve até à reforma em 1991, tendo exercido outros cargos e sido responsável pela criação do ramo de Educação destinado à formação de professores de Dança.

 

Flickr photos from the Inauguração da exposição "Arquimedes da Silva Santos: onde vai minha voz" album.

_MG_1483 by Politécnico de Lisboa

_MG_1483 by Politécnico de Lisboa uploaded on 18 Nov 2021

_MG_1487 by Politécnico de Lisboa

_MG_1487 by Politécnico de Lisboa uploaded on 18 Nov 2021

_MG_1489 by Politécnico de Lisboa

_MG_1489 by Politécnico de Lisboa uploaded on 18 Nov 2021

_MG_1491 by Politécnico de Lisboa

_MG_1491 by Politécnico de Lisboa uploaded on 18 Nov 2021

_MG_1492 by Politécnico de Lisboa

_MG_1492 by Politécnico de Lisboa uploaded on 18 Nov 2021

_MG_1494 by Politécnico de Lisboa

_MG_1494 by Politécnico de Lisboa uploaded on 18 Nov 2021

_MG_1495 by Politécnico de Lisboa

_MG_1495 by Politécnico de Lisboa uploaded on 18 Nov 2021

_MG_1496 by Politécnico de Lisboa

_MG_1496 by Politécnico de Lisboa uploaded on 18 Nov 2021


Ver no flickr